O que é?

É uma oportunidade de conhecer os projectos, os filmes e as campanhas que contribuem para a sensibilização e participação mais ativa e solidária das sociedades, numa prespectiva nacional e global.

Pretende-se levar esta Mostra de filmes a todo o país, cativando assim a população para a responsabilidade social, em particular a população em idade escolar.

A Mostra do Filme Solidário “I ♥ 2 Help” é um evento com a duração máxima de 1 hora, onde 30 minutos são destinados à exibição de cerca de 15 a 20 filmes de curta duração e os restantes minutos são ocupados com um debate estabelecido entre a audiência e um convidado de uma organização representada nos filmes da Mostra exibida.

Os filmes exibidos fazem parte de uma seleção de filmes nacionais e internacionais com enfâse nas temáticas a realçar em cada Mostra. Esta escolha é efectuada de entre um grande e variado número de filmes produzidos nos últimos anos por produtoras internacionais para entidades sem fins lucrativos, sejam elas organismos da sociedade civil ou estatal. As temáticas destes filmes são sempre de ordem cultural, humanitária, social ou ambiental.

Os filmes escolhidos promovem alertas, tomadas de consciência, pedidos de apoio e responsabilidade social em geral. Todas as entidades ou organizações que assinam os filmes apresentados nas Mostras são contactadas antecipadamente e convidadas a participar na Mostra enviando o seu filme na melhor qualidade possível e autorizando a sua exibição dentro do âmbito da Mostra de Filmes Solidários “I ♥ 2 Help”. São também convidadas a participar nas Mostras como convidados especiais para os debates ou como espectadores. Estas entidades são sempre informadas sobre as Mostras onde os seus filmes são exibidos.

A “I ♥ 2 Help” teve a sua primeira apresentação em Abril de 2010 no âmbito do evento promovido pelo Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento “Os Dias do Desenvolvimento”. Esta primeira Mostra foi realizada com a parceria do IPAD e do ICAM.

A seleção dos filmes a apresentar em cada Mostra é sempre estudada por uma equipa de pesquisa da Help Images. Esta equipa elabora uma lista com todos os filmes que estão disponíveis para serem exibidos nas Mostras (os quais as entidades promotoras já foram contactadas). Será desta lista de filmes que se vão escolher os filmes a integrar as três Mostras genéricas, que estão sempre disponiveis: uma para o primeiro ciclo, outra para o segundo ciclo e outra para o publico adulto.

Alguns comentários recolhidos após as Mostras já realizadas:

Espectador: “Na minha opinião deveríamos ter a oportunidade de assistir a mais eventos deste género e sobre tudo fazer-nos acompanhar das nossas crianças que andam tão distraídas com futilidades, esquecendo-se muitas vezes de que aquilo que desperdiçam poderia ajudar a salvar muitas vidas. Refiro-me a uma passagem dum filme em que se mostra a luta de uma mãe por umas gotas de água. Porque não levar eventos destes às escolas? Talvez fosse uma forma para contribuirmos para um mundo melhor.”

Moderador: “Regularmente, criadores de todo o mundo recorrem ao espaço audiovisual e, com uma mão cheia de minutos, contam uma história cuja mensagem perdura muito além da duração do pequeno filme, vídeo ou animação. Mensagens sobre os assuntos que verdadeiramente importam, numa sociedade onde as mensagens importantes, muitas vezes, se perdem no mar de mensagens publicitárias, comerciais e ‘vistosas’. A mostra de filmes solidários é um momento para repousar nesse vaivém constante da comunicação. Para dedicar alguns minutos a receber uma mensagem sobre os temas profundos da sociedade, sobre os grandes desafios como humanos: a fome, a desigualdade, a discriminação, a guerra, a violência, os abusos. (…)

António Sampaio. Jornalista da LUSA – Moderador da Mostra de Filmes no dia 8 de Dezembro de 2010

Aluna, 13 anos: “ (o filme que mais gostei foi) … “O abandono magoa muito” porque toco-me de forma a querer ajudar pessoas com esse problema.”

Professora: “…Quanto à pertinência dos temas e qualidade dos filmes apresentados, estes foram bastante apelativos, ricos de conteúdo, revestidos de gigantescas mensagens, na medida em que divulgaram situações de emergência, suscitando o interesse dos alunos pelas causas de ajuda humanitária e voluntariado.

A forma como os nossos alunos percepcionaram os filmes levou-os a uma reflexão sobre as temáticas apresentadas, pois através do diálogo que se criou revelaram preocupação e colocaram questões com alguma pertinência.” Professora Francisca Galamba – ESDS, Julho 2011.

Para mais informação envie-nos um email